segunda-feira, 10 de outubro de 2016

O riso escondido

Eu te vi a sorrir se de mim não sei
mas vi em teu riso escondido o 
que sabias de fato
e me perdi na ignorância e no
medo do teu malvado segredo
e quando tudo se iluminou
a lua de um céu escuro me fez
sorrir minguante
e escondi meu riso ao teu semelhante

Nenhum comentário:

Postar um comentário